Significado de Nomes de Bandas

Veja abaixo alguns nomes das bandas mais conhecidas de Rock e seus significados.

AC/DC – A irmã de Angus e Malcolm Young, Margaret, criou o nome. Aparentemente ela achou a sigla em um eletrodoméstico, e achou que casava bem com a banda, visto que tinha a ver com eletricidade (AC/DC é um indicativo de corrente contínua e alternada). Depois descobriram que era também uma gíria que designava bissexuais mas já era tarde. São infundadas as versões de que o nome seria uma sigla para Anti-Christ/Dead-Christ (anticristo, cristo morto).

Aerosmith– O nome Aerosmith não significa absolutamente nada. Foi proposto por Joey Kramer e segundo Steven Tyler foi o único nome entre vários propostos que ninguém odiou.

Alice In Chains – Paródia masoquista de Alice no País das Maravilhas. A idéia inicial (que nunca chegou a acontecer) era de tocarem covers de Slayer usando vestidos.

Angra – O nome foi escolhido por duas razões: por ser um nome tipicamente brasileiro (dado à “Deusa do Fogo”) e por parecer o adjetivo “Angry” (em inglês, raivoso).

Anthrax – É o nome de um microorganismo desenvolvido para guerra bacteriológica. Ficou famoso após os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, quando a banda chegou a cogitar mudar de nome.

Black Sabbath – Um Sabbath Negro é uma reunião de bruxas e feiticeiras. A banda se chamava Earth e resolveu assumir o nome de uma música composta por Geezer Butler, inspirada em um suspense do novelista Denis Wheatley.

Blink-182 – Eles queriam se chamar Blink mas já havia uma banda Irlandesa com esse nome. 182 é a quantidade de vezes que Al Pacino diz a palavra “fuck” no filme “Scarface”.

Blur – A banda na verdade se chamava SEYMOUR porem uma das condições em seu primeiro contrato era de se mudar o nome para um contido em uma lista oferecida pela gravadora. Blur foi escolhido como a melhor opção.

Bob Dylan – Seu nome verdadeiro é Robert Zimmerman. Achando o nome excessivamente étnico e sendo grande admirador do poeta Dylan Thomas, ele mudou para Bob Dylan.

Bobs – Jargão do programa televisivo “Best of Breed”

Bon Jovi – Mutação do verdadeiro nome do vocalista, John Bongiovi, Jr.

Bush – Alusão a “Sheperd’s Bush”, bairro em Londres.

Cinderella – Nome escolhido pela falta de conotação heavy metal.

Clash – Tirado de manchete do jornal “A Clash With Police”. Paul Simmon teve a idéia e todos concordaram.

Cranberries – O nome original era Cranberry Saw Us, mutação de Cranberry Sauce (molho da fruta cranberry). Quando Dolores O’Riordan se juntou ao grupo ela sugeriu encurtar para The Cranberries.

Creed – O nome da família em Pet Sematary de Stephen King.

Cult – O nome veio de uma manchete que Ian Astbury leu num jornal. Inicialmente se chamavam Southern Death Cult, depois Death Cult e finalmente apenas The Cult.

Cure – Originalmente, The Easy Cure (A Cura Fácil).

David Bowie – Bowie é um tipo de canivete. Seu nome verdadeiro é David Jones. Ele mudou o nome em 1966 para não ser confundido com Davy Jones dos Monkees.

Deep Purple – A avó do Ritchie Blackmore gostava da música “Deep Purple” de Bing Crosby.

Detonautas – Segundo a versão oficial retirada do site da banda: “O nome Detonautas surgiu da junção de detonadores com internautas, afinal, nos conhecemos em salas de chat da internet. Acrescentamos o Roque Clube um tempo depois, utilizando o “qu” na palavra Roque para representar a nacionalidade do grupo e o Clube para todos que quiserem fazer parte do nosso grupo sejam bem vindos.”

Dimmu Borgir – A banda é de black metal norueguês, porém o nome está em islandês e quer dizer “castelo negro”. Existe também uma montanha na Islândia com este nome.

Dream Theater – Originalmente chamados de Majesty, mudaram o nome para o de um teatro na vizinhança em Los Angles.

Duran Duran – Vilão do filme “Barbarella” estrelado por Jane Fonda.

Elton John – Tirado dos músicos Elton Dean and John Baldry. Seu nome verdadeiro é Reginald Dwight.

Engenheiros do Hawaii – Tudo começou em 1984 na Faculdade de Arquitetura em Porto Alegre, onde o grupo estudava. Existia uma rixa entre o pessoal de arquitetura e engenharia. Os estudantes se envolviam em rixas curriculares, filosóficas, estilos de vidas, etc. Enfim, o pessoal da arquitetura inventou um apelido para acabar com os inimigos. “Todo estudante de arquitetura é meio arrogante, acha que os engenheiros estão abaixo. Tinha um pessoal na engenharia que usava aquelas roupas de surfista, e, para irritá-los, nós fazíamos questão de chamá-los de ‘engenheiros’ e, mais do que isso, ‘engenheiros do hawaii’, que é um paraíso meio kitsch”. Na época, havia uma explosão de bandas punk, todas com nomes heróicos entre elas: Cavaleiros do apocalipse, Virgens Nucleares, Titãs, etc. Disse Humberto: “Sempre me assustou essa coisa heróica da música pop, porque te leva a ser meio semideus. Engenheiros do Hawaii era um nome desmistificador, ninguém nos levaria muito a sério. É um nome que até hoje nos protege de nos encararem como sacerdotes”. (Colaborou: Leandro Silva)

Extreme – Inicialmente chamado de Dream até descobrir outra banda com esse nome. Enquanto imaginavam algo em torno de ex-Dream chegaram a Extreme. Segundo o baterista Paul Geary: “O nome do nosso grupo tem muito a ver com o nosso som. De Prince a Led Zeppelin, nós tínhamos uma ampla gama de influências”.

Faith No More – Fé Nunca Mais. O nome anterior era Sharp Young Men, que depois mudou para Faith No Man quando seu crooner era Mike “The Man” Morris. Quando Morris saiu em 1982, evoluíram para Faith No More.

Foo Fighters – Gíria originada durante a Segunda Guerra Mundial significando UFO’s (OVNI’s). A palavra Foo é uma corruptela do francês “feu” significando “fogo” ou “fou”, significando “insano”. Dizem que tudo começou quando um grupo de pilotos da aeronáutica tentaram atirar em possíveis UFO’s.

Green Day – Trata-se de uma referência a maconha. Um dia verde é um dia em que você deixa de fazer suas obrigações para ficar fumando. Também cotado como inspiração, uma placa no filme “Soilent Verde” escrito “Green Day”. A banda se chamava Sweet Children.

Guns N’Roses – Tirado dos nomes de Tracii Guns e Axl Rose ou de suas respectivas bandas, LA Guns e Hollywood Roses.

Helloween – Trocadilho com hell (inferno) e halloween (festa americana do dia das bruxas).

Iron Maiden – O nome “Iron Maiden” foi tomado do filme “The Man in The Iron Mask”. A “donzela de ferro” é um instrumento de tortura composto de uma caixa repleta de lanças pontiagudas em seu revestimento interior onde o condenado era trancafiado. “Donzela de Ferro” é também um dos apelidos da ex-primeira ministra inglesa Margareth Tatcher.

Judas Priest – Sacerdotes de Judas. Nome tirado da canção “The Ballad of Frankie Lee and Judas Priest” de Bob Dylan.

Kiss – Significa Beijo. O nome foi escolhido por soar perigoso e sexy. O acrônimo “Knights In Satan’s Service” (”Cavaleiros a Serviço de Satã”) foi uma inteligente e lucrativa maneira para ajudar evangelistas a colocarem o medo de Deus no homem comum.

Korn – Varias versões propagadas pela própria banda. Referente a lenda urbana sobre um homem que comeu milho estragado e teve diarréia. Corruptela para Kiddy Porn (Pornografia Infantil). Ou não quer dizer nada mas a banda gostou do nome assim mesmo.

Led Zeppelin – O baterista do the Who, Keith Moon, achou que a banda de Jimmy Page, que ainda se chamava The New Yardbirds, era pesada como chumbo e flutuava como um Zepelim. Daí Lead Zeppelin (Zepelim de Chumbo). Um Zepelin trata-se de um balão dirigível em forma de charuto. Mais tarde o nome foi mudado para Led Zeppelin para não ter dúvidas quanto à pronúncia.

Limp Bizkit – O nome Limp Bizkit surgiu durante uma conversa entre o vocalista Fred Durst e um amigo que diz que seu cérebro parece um “limp biscuit” (uma bolacha amolecida). Ele gostou da idéia e adotou o nome.

Linkin Park – A banda se chamava “Hybrid Theory”, mudou o nome para “Linkin Park” por questões legais porque já existia uma outra banda com esse nome. Eles escolheram esse nome porque o Chester Bennington (vocalista) costumava dirigir pelo Lincon Park em Santa Mônica (que era uma vizinhança onde os desabrigados costumavam ir) e esse nome ganhou a atenção de todos por sua boa sonoridade. Eles mudaram alguma coisinha no nome porque assim eles poderiam comprar o domínio pois o linconpark.com era muito caro. (Colaborou: Leonardo Apolinário)

Marilyn Manson – A junção dos nomes Marilyn Monroe e Charles Manson. Duas celebridades de fama extremamete opostas.

Metallica – Lars Ulrich ajudava um amigo bolar o nome de um metal fanzine. Uma das sugestões foi Metallica que não foi aproveitado para a revista. Lars então pegou para ele.

Nirvana – Estado avançado de espírito na cultura hindú.

Oasis – É o nome de um centro esportivo em Swindon, Inglaterra.

Offspring – Tiraram o nome do filme B “The Offspring – They Were Born To Kill” (Os Decendentes – Eles Nasceram Para Matar).

Orgy – Uma referencia à orgia de som que eles criavam. A conotação sexual também ajudava a atrair público.

Ozzy Osbourne – “Ozzy” é seu apelido desde criança.

P.O.D. – Abreviação de “Payable on Death”. Palavra técnica usada nos bancos. Quer dizer que quando uma pessoa morre alguém vai herdar seu dinheiro. Então é necessário que essa pessoa morra para herdar e isso é uma referência à pessoa de Cristo, porque Ele morreu pelos homens. (Colaborou: Leonardo Apolinário)

Pearl Jam – Uma das prováveis origens do nome Pearl Jam tem a ver com uma geleia (jam em inglês) feita pela avó de Eddie Veder (chamada Pearl) cuja composição incluía peyote. Outras versões informam que Pearl Jam seria gíria, significando esporra. Eles quase se chamaram de “Mookie Blaylock” em homenagem a um jogador de basquete.

Pink Floyd – O nome Pink Floyd é a junção dos nomes de dois antigos músicos de Blues, Pink Anderson e Floyd Council (Dipper Boy), que influenciaram Syd Barret. Syd nomeou a banda com o nome de um dos discos da dupla, The Pink Floyd Sound, mais tarde abreviado para Pink Floyd. Por pouco eles não se chamaram de “Anderson Council” ou “Megadeath”.

Police – Stuart Copeland teve a brilhante ideia de usar um nome que estaria TODOS os dias em TODOS os jornais de TODO o mundo. Que tal essa, como jogada publicitaria?

Queen – Segundo Freddie Mercury: “Eu sempre tive a idéia fixa de chamar a banda de Queen. Este era um nome muito forte, muito universal e imediato, tinha uma visão de potência e estava aberta a vários tipos de interpretação. Eu estava ciente da possível conotação gay ao nome, mas essa era apenas uma das várias ‘caras’ para o nome.”

Radiohead – Tirado da música “Radio Head” dos Talking Heads.

Rage Against The Machine – A primeira banda do vocalista Zack De La Rocha se chamava Inside Out, e chegou a lançar um CD. O nome do segunto CD desta banda seria Rage Against The Machine, mas esse segundo CD nunca chegou a ser lançado. Zack então aproveitou o nome para a sua nova banda.

Ramones – O Beatle Paul McCartney usou o pseudônimo Paul Ramone durante a primeira excursão dos Beatles à Escócia. A banda tomou emprestado dele o sobrenome.

Red Hot Chilli Peppers – Pimentas vermelhas ardidas. Segundo Anthony Kiedis: “Eu acho que foi em 1983 o primeiro show em que nós tocamos e fomos chamados de Tony Flow and The Miraculously Majestic Masters of Mayhem. Logo após o show, nós chegamos a conclusão que o nome era uma droga. Depois de uma semana pensando em milhares de nomes, o Flea veio com a idéia do nome Red Hot Chili Peppers que parecia muito apropriado pois transmitia energia, cor e sons”.

REM – Trata-se da sigla para “Rapid Eyes Movements”, movimentos rápidos e espasmódicos dos olhos durante o sono que marcam o início dos sonhos.

Rolling Stones – Pedras Rolantes. Brian Jones escolheu o nome por causa da frase “A rolling stone gathers no moss” (Pedras rolantes não criam limo) e da música Rollin’ Stone, ambas frase e canção de Muddy Waters.

Rush – Estavam todos preocupados pois já tinham uma apresentação marcada porem ainda não tinham nome. O irmão mais velho de John Rustley deu como suggestão Rush.

Sepultura – Segundo o baterista Igor Cavalera: “Sepultura é um nome que eu e meu irmão (Max Cavalera) inventamos com 13 anos de idade. Como a gente morava em Belo Horizonte, uma cidade super
conservadora, com uma igreja em cada esquina, achamos que um jeito de chocar na época era chamar a banda de Sepultura. Tiramos o nome de uma música do Motorhead, ‘Dancing on Your Grave’. Lembro que fizemos até um teste, nem existia a banda ainda, mas a gente falava que sim. Aí chegamos na minha avó: ‘Vó, nossa banda chama Sepultura’. Ela ficou apavorada! Daí, pronto, deu certo. Não tivemos nenhuma visão nem sonho para escolher o nome da banda. Foi mesmo uma coisa de dois moleques idiotas em BH.”

Sex Pistols – O nome da banda foi baseado no nome da loja de Malcolm McLaren (Sex). É também uma conotação para o pênis.

Silverchair – Homenagem híbrida juntando “Sliver” do Nirvana com “Berlin Chair” do You Am I.

Skid Row – Gíria para Sarjeta. O nome foi uma sugestão de Jon Bon Jovi. A banda iria se chamar Skip Rope (Pular Corda).

Slayer – Carrasco. Inspirado no filme “Dragonslayer”, muito embora no disco Divine Intervention você encontra os dizeres “Satan Laughs As You Eternally Rot” (”Satã Rir Enquanto Você Apodrece Eternamente”).

System Of A Down – O nome vem de um poema do guitarrista, Daron, chamado Victims Of A Down. System foi escolhida por ser uma palavra mais forte.

U2 – Modelo de avião usado para espionagem desenvolvidos pelo governo americano. Bono declarou certa vez que o nome vem da idéia de interatividade com o publico, “You Too”, Você Também.

Ultraje à Rigor – Durante uma festa em que se apresentavam, Roger pensou em Ultraje, mas achou punk demais para a época. Resolveu perguntar a Edgard Scandurra (então guitarrista da banda), que chegou no meio da conversa e, sem entender direito a pergunta, disse: “Que traje? O traje a rigor?”

Van Halen – Trata-se realmente do sobrenome dos irmãos fundadores da banda, descendentes de Holandeses.

Who – Eles se chamavam The High Numbers e chegaram a lançar um compacto assim embora insatisfeitos com o nome. A lenda conta que o pessoal estava bombardeando nomes possíveis até que alguém que já estava ficando surdo para as idéias, retrucou “Os Quem?”

Yes – Segundo Jon Anderson: “Queríamos uma palavra que inspirasse uma forte convicção no que estávamos fazendo. Tínhamos que ter um título forte e correto para a banda”.

Publicado em abril 20, 2011, em Uncategorized e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: